Um boneco enforcado, representando a candidata republicana à vice-presidência dos Estados Unidos Sarah Palin, está a gerar polémica depois de ser encontrado segunda-feira pendurado no telhado de uma casa em Los Angeles.

A figura, vestida de vermelho, com óculos e cabelo castanho, estava pendurada no telhado que continha ainda um boneco de John McCain, candidato republicano à presidência dos Estados Unidos, simulando MacCain a «ser queimado vivo».

A cena foi criada pelos moradores da casa «como parte da decoração do dia das bruxas», que se realiza no próximo fim-de-semana.

«No dia das bruxas, onde o objectivo é assustar positivamente as pessoas, esta situação não tem mal algum. Se fosse noutra época qualquer do ano aí sim, seria inaceitável», disse Michael Morissette, proprietário do imóvel.

Embora as autoridades considerem que Morissette «está protegido pelo direito à liberdade de expressão», alguns vizinhos mostraram o seu desconforto com a exposição dos candidatos republicanos.