O Secretário de Estado norte-americano transmitiu, esta terça-feira, ao seu homólogo russo, a «profunda preocupação» de Washington relativamente à ausência de «medidas positivas» por parte de Moscovo para aliviar a tensão na Ucrânia, informou fonte diplomática dos EUA.

John Kerry «manifestou a sua profunda preocupação relativamente à falta de medidas positivas por parte da Rússia», durante a conversa que manteve ao telefone com Sergueï Lavrov, disse um alto funcionário do Departamento de Estado norte-americano, sob a condição de anonimato, citado pelas agências estrangeiras.

John Kerry voltou também a advertir o ministro dos Negócios Estrangeiros russo de que a falta de avanços concretos por parte de Moscovo relativamente ao acordo de Genebra, firmado na passada quinta-feira entre a Rússia, Estados Unidos, União Europeia e Ucrânia, irá resultar num reforço das sanções.