A polícia russa abateu um homem que esfaqueou sete pessoas, avança a AFP. O ataque aconteceu na cidade Surgut cerca das 11:20, hora local. 

O agressor “atacou transeuntes, ferindo a golpes de faca sete pessoas”, quando se encontrava “nas ruas centrais” da cidade de 330.000 habitantes, por volta das 11:20 locais (07:20 em Lisboa), precisou a Comissão de Inquérito da Rússia, órgão encarregado das principais investigações criminais.

A polícia “neutralizou” o indivíduo, acrescentou a comissão no comunicado.

O autor já foi identificado, anunciou a polícia regional, afirmando que não está a privilegiar a pista de “atentado terrorista”.

A versão segundo a qual o ataque seria um atentado terrorista não é a nossa [versão] principal”, declarou a polícia local à agência noticiosa russa Interfax, acrescentando que já identificou o atacante, abatido na sequência do incidente, e que está a analisar os seus eventuais antecedentes psiquiátricos.

No entanto, a ataque já foi reivindicado pelo Estado Islâmico através da agência Amaq, citada pela Reuters.