O líder do Partido Democrático Liberal anunciou esta sexta-feira que a sua formação vai pedir para que Ília Ponomariov - o único que na quinta-feira votou contra a anexação da Crimeia e Sebastopol à Rússia -, perca o seu assento na Duma.

«Vamos exigir que se retire o título de deputado a Ponomariov», disse Vladimir Yirinovski, em declarações à imprensa.

Segundo o político ultranacionalista, a recusa de Ília Ponomariov em apoiar um tratado cuja ratificação foi votada favoravelmente por todos os restantes membros da Câmara de Deputados é uma mostra da sua «linha contra o Estado».