Cerca de 2.700 militares das Forças Armadas brasileiras tomaram este sábado o controlo do complexo de favelas da Maré, o último bastião do narcotráfico no Rio de Janeiro, que foi ocupado na semana passada pela polícia.

A operação, anunciada previamente, começou às 05:00 horas locais (08:00 GMT), com a entrada de carros blindados e tanques nas principais favelas do complexo onde vivem cerca de 120 mil pessoas.

Depois de tomadas as posições, os militares do Exército e da Marinha, que vão tratar da segurança na zona até julho, começaram a patrulhar diferentes zonas do complexo em busca de drogas e armas.