O governo britânico promoveu uma campanha a pedir aos imigrantes ilegais que «vão para casa ou enfrentem a prisão». A ação, que decorreu na semana passada, consistiu na circulação de carros com o anúncio em bairros de Londres.

O porta-voz do primeiro-ministro David Cameron afirmou, segundo a BBC, que Cameron discorda do ministro dos Negócios e Inovação, Vince Cable, que chamou a campanha de «estúpida e ofensiva».

«Aparentemente, a campanha foi pensada para criar um medo na população britânica de que tenhamos um problema sério com a imigração ilegal», afirmou Vince.

A primeira fase deste projeto piloto terminou no domingo e passou pelos bairros de Barnet, Hounslow, Barking, Dagenham, Ealing, Drent e Redbridge. O anúncio, para além da frase que chamou a atenção, tinha também um número de telefone para onde os imigrantes deviam ligar para se informarem acerca do processo de partida.

A cidade Londres viu também a ação manifestada em brochuras, cartazes e anúncios em jornais locais.