O governo britânico aconselhou os cidadãos do Reino Unido a não viajarem para a Tunísia.

O Ministério dos Negócios Estrangeiros alerta para a possibilidade novos ataques terroristas no país. 

Este aviso surge menos de uma duas semanas depois de 30 britânicos terem sido mortos num ataque na estância balnear de Sousse, por parte de um islamista armado, em que morreram ainda outras oito pessoas.