As imagens partilhadas nas redes sociais este domingo sobre o referendo na Catalunha mostram sobretudo a violência policial da Guardia Civil. Mas contam outras histórias.

Como a dos bombeiros catalães que se colocaram à frente da população que queria votar, tentando impedir uma carga policial.

Um objetivo que outros vídeos mostram não ter sido alcançado, com os próprios bombeiros a serem alvo da violência da Guardia Civil. 

Além dos bombeiros, também a polícia catalã terá enfrentado a Guardia Civil em alguns momentos. Os Mossos d'Esquadra não respeitaram as ordens de Madrid e não impediram a realização do referendo.

Há também muitas imagens da polícia espanhola a entrar em várias localidades catalãs para tentar chegar aos locais de voto, tendo a oposição da população. 

As imagens da violência policial estão a circular por todo o mundo.