Um avião chinês teve que regressar ao aeroporto depois de ter sido encontrado um rato no cockpit, durante o voo, noticiou a agência oficial chinesa Xinhua.

O avião, da companhia aérea Loong Air, voava desde Hangzhou, na costa leste da China, com destino a Xishuangbanna, no sudoeste.

Em causa, está uma companhia de baixo custo que diz desconhecer como é que o animal entrou no avião. Ainda assim, suspeita que tenha sido através das carrinhas que transportam a comida a servir aos passageiros.