A Rainha Isabel II disse, este domingo, que espera que os escoceses «pensem bem acerca do futuro». Um comentário informal ao referendo marcado para dia 18 na Escócia, feito à saída de uma missa em Balmoral, depois de ter dito que não e iria pronunciar sobre o assunto.

Abordada por um popular, que se aproximou dela à saída da igreja, a rainha disse: «bem... espero que as pessoas pensem muito bem sobre o seu futuro».

O Palácio de Buckingham já veio argumentar que o comentário da rainha não fere o dever de imparcialidade a que está obrigada, mas as palavras estão a ser encaradas como apoio aos opositores da independência.

As últimas sondagens têm apontado para uma luta renhida entre o «sim» e o «não» à independência, mas com ligeira vantagem para os unionistas. O Partido Nacional Escocês, que lidera o movimento independentista, já avisou que no caso de vitória do «sim» caberá aos eleitores conservar ou rejeitar a monarquia.