A Coreia do Sul iniciou hoje o extermínio de mais de 20.000 patos após ter sido detetado de forma preliminar um foco de gripe das aves que poderia ser de uma estirpe altamente patogénica numa quinta do país, revelou o Ministério da Agricultura do país.

«Os testes iniciais confirmaram que se trata de um foco de H5N1, e mais tarde iremos determinar se é altamente patogénica», indicou um alto funcionário do Ministério à agência Yonhap.

A fonte assegurou que existem probabilidades muito altas de os novos testes confirmarem que se trata de um foco altamente patogénico do vírus.