Arqueólogos recuperaram cinco canhões dos destroços do «Queen Anne`s Revenge», o navio do famoso pirata «Barba Negra», naufragado no início do século XVIII junto à costa da Carolina do Norte, sudeste dos Estados Unidos, anunciaram hoje as autoridades locais.

Os canhões, com cerca de uma tonelada cada um, foram retirados dos destroços na segunda-feira e, segundo o departamento de Assuntos Culturais do estado da Carolina do Norte, o maior terá sido fabricado na Suécia.

O diretor do projeto de recuperação do espólio do navio, Billy Ray Morris, adiantou num comunicado que «balas de canhão e outros tesouros» deverão ainda ser retirados dos destroços, que já produziram cerca de 280.000 artefactos desde que foram localizados em 1996.