O presidente russo, Vladimir Putin, ordenou hoje a «proibição ou limitação durante um ano» das importações de produtos agroalimentares provenientes dos países que aplicaram sanções económicas à Rússia, anunciou o Kremlin.

«Com o objetivo de proteger os interesses nacionais da Federação da Rússia (...) ordeno a interdição ou limitação por um ano das importações para território russo de vários tipos de produtos agrícolas, matérias-primas e produtos alimentares» provenientes dos países que «decidiram aplicar sanções económicas» contra a Rússia, declarou Putin, citado no comunicado.

No entanto, o decreto admite a possibilidade de alteração a prazo da proibição destas importações.