O Comité Durbar Mahila Samanwaya (DMSC), uma organização indiana que zela pelos direitos das prostitutas na Índia, está a celebrar o Dia Mundial dos Trabalhadores Sexuais com diversas actividades, entre elas um desfile de moda em Calcutá.

De acordo com o site do DMSC, foram organizados ainda vários jogos, concursos de cultura geral, e eventos de música e de dança, em que participam também os filhos das prostitutas, em várias zonas do país.

Além destes momentos, está na agenda uma marcha de mais de duas mil pessoas, em Sonagachi, para reivindicar vários direitos sociais.