jornal francês «Charlie Hebdo» foi alvo de um ataque terrorista

 

​As redações visadas são os jornais El País, Huffington Post, As e Cinco Dias.

Um dos jornalistas, Guillermo S. Vega, do jornal Cinco Días acrescentou que foi apenas dito aos funcionários para que saíssem, mas que não sabem dos motivos. O que se ouviu dizer foi, sem confirmação, que terá sido uma embalagem suspeita a motivar a decisão de esvaziar o edifício.