Cerca de 24 anos depois da princesa Diana ter visitado o Taj Mahal, na Índia, e ter posado para uma fotografia frente ao monumento, os duques de Cambridge recriaram a pose da mãe do príncipe William.

"É lindo, impressionante", afirmou o príncipe William à chegada ao local. 

Sentados no mesmo banco, William e Kate posaram para as objetivas dos fotógrafos de forma descontraída, colocando um ponto final à questão se se deixariam ou não fotografar como Diana em 1992.

De acordo com o porta-voz do casal, em declarações à imprensa no local, o casal "decidiu que se sentaria no banco esta manhã". 

Não foi uma coisa que eles tenham considerado até esta manhã. A decisão foi que é o lugar onde as pessoas vêm para se sentar. É uma posição totalmente simétrica, mesmo no centro. Foi essa a razão pela qual a princesa de Gales se sentou ali quando visitou o local. É um lugar natural. Eles tomaram a decisão com base nisso".

No entanto, o porta-voz garantiu que os duques de Cambridge estavam cientes do significado desta fotografia.

O príncipe compreende perfeitamente que as pessoas vêm visitar este lugar com a princesa Diana em mente. Trata-se de novas memórias para eles".

Esta não é a primeira vez que William e Kate recriam uma fotografia histórica protagonizada pelos pais do príncipe. Em 2014, durante uma visita ao Parque Nacional de Uluru-Kata Tjuta, na Austrália, os duques posaram frente à formação rochosa conhecida por «Ayers Rock» quase que como uma cópia da fotografia tirada por Carlos e Diana em 1983.

O casal encontra-se em viagem à Índia e a visita ao Taj Mahal acontece depois de William e Kate terem passado três dias com os reis do Butão.

A visita ao monumento, uma das Maravilhas do Mundo, é considerada a forma mais adequada para os duques agradecerem ao povo da Índia a hospitalidade durante a última semana.