O Presidente da República e o primeiro-ministro chegam esta segunda-feira a Veracruz, no México, para participar na XXIV Cimeira Ibero-Americana, a última com periodicidade anual e a última em que participará Cavaco Silva como chefe de Estado.
 
O ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Rui Machete, também integra a delegação portuguesa presente neste encontro, que tem como tema «Ibero-América no Século XXI: Educação, inovação e cultura», e vai decorrer entre segunda e terça-feira, num centro de convenções em Veracruz, cidade portuária na costa do Golfo do México.
 
À margem dos trabalhos da cimeira, está agendada, para terça-feira de manhã, uma reunião bilateral com a Presidente do Chile, Michelle Bachelet, na qual Portugal estará representado por Aníbal Cavaco Silva, Pedro Passos Coelho e Rui Machete, informaram os gabinetes do Presidente da República e do primeiro-ministro.
 
Na agenda desta cimeira de chefes de Estado e de Governo, que em caso de ausência podem ser representados por outros membros dos seus executivos, estão temas como a mobilidade académica e a recomposição do financiamento desta organização de 22 países, previamente acertada a nível ministerial.
 
Está em cima da mesa uma progressiva diminuição da contribuição dos países ibéricos - que têm sido responsáveis por mais de dois terços do orçamento, cabendo a Espanha a maior parcela - e um correspondente aumento da quota de financiamento dos países latino-americanos.
 
A XXIV Cimeira Ibero-Americana terá início hoje à tarde. A sessão de boas-vindas pelo Presidente do México, Enrique Peña Nieto, está marcada para as 15:45 locais (21:45 em Lisboa), seguindo-se a sessão inaugural, cerca de meia hora depois.
 
De acordo com o programa distribuído à comunicação social, o Presidente da República fará uma intervenção esta tarde, na primeira sessão plenária, sobre «Educação e Cultura», que deverá começar pelas 17:15 (23:15 em Lisboa). O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, discursará na terça-feira, na segunda sessão plenária, sobre «Inovação».
 
Cavaco Silva participou na I Cimeira Ibero-Americana, em 1991, realizada, em Guadalajara, México, na qualidade de primeiro-ministro de Portugal. É o único fundador destes encontros presente em Veracruz.
 
Como as cimeiras passarão a ser bianuais, o atual Presidente da República já não estará presente na próxima, prevista para o último trimestre de 2016, provavelmente na Colômbia, pois terá terminado o seu mandato em março desse ano.
 
A Conferência Ibero-Americana é composta por três países ibéricos: Portugal, Espanha e Andorra; e 19 latino-americanos: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Perú, Uruguai, Venezuela, México, Costa Rica, El Salvador, Guatemala, Honduras, Nicarágua, Panamá, Cuba e República Dominicana.