Está confirmado: uma mulher apoiada pelo Podemos é a nova presidente da câmara da capital espanhola, Madrid. Manuela Carmena conseguiu, assim, destronar o Partido Popular que estava no poder há 24 anos. 

A nova autarca sobe ao poder graças à coligação com os socialistas.  

Juíza na reforma, com 71 anos, Manuela Carmena centrou a campanha eleitoral na luta contra a corrupção e contra a privatização dos serviços públicos, bem como na prevenção dos despejos de casas em Madrid.  

Apesar de apoiada pelo Podemos, a nova presidente da câmara da capital espanhola, antiga ativista pelos direitos laborais durante a ditadura franquista, diz que não tem nenhuma filiação política.  

Também outra mulher, a ativista Ada Colau, é a nova presidente da Câmara de Barcelona, depois de a sua lista, que integra alguns movimentos e partidos de esquerda, como o Podemos, ter   vencido as eleições municipais no final de maio.