Os aspirantes a candidatos democratas nas presidenciais norte-americanas voltaram na quinta-feira a encontrar-se num debate em que entraram em confronto na saúde, com Hillary Clinton a acusar Bernie Sanders de fazer propostas irrealistas e dispendiosas.

No debate em Milwaukee, Wisconsin, dois dias após as primárias no New Hampshire que o senador ganhou, os aspirantes a candidatos nas presidenciais entraram em confronto ao discutir o sistema de saúde, com a antiga secretária de Estado a pôr em causa o plano de Sanders para um sistema de pagamento único, que o senador defende que vai poupar dinheiro aos contribuintes.

“Com base em todas as análises que consegui encontrar, elaboradas por pessoas com simpatia pelo objetivo, os números não batem certo e muitas pessoas vão ficar numa situação pior do que estão agora”, disse.