O escritor colombiano Álvaro Mutis, que residia no México há mais de meio século, morreu, domingo, na capital mexicana, indicaram fontes oficiais.

A morte do autor foi confirmada pelo Conselho Nacional para a Cultura e Artes do México.

Álvaro Mutis, 90 anos, Prémio Cervantes 2001, morreu num hospital da capital mexicana, de acordo com a imprensa local.