Uma brasileira de 35 anos deu à luz gémeos idênticos em Boston, nos EUA, mas os meninos nasceram com 24 dias de diferença, após apenas 24 semanas de gestação do primeiro.

De acordo com o jornal «Boston Globe», Lindalva da Silva deu entrada em fevereiro no hospital Tufts de Boston por sentir contrações com apenas 24 semanas de gestação. Devido ao grau de prematuridade dos bebés e do risco que a parturiente e os dois filhos enfrentavam, os médicos decidiram realizar o parto de uma das crianças e deixar a outra continuar a desenvolver-se no útero.

Alexandre nasceu a 27 de fevereiro com apenas 745 gramas de peso e foi logo transferido para uma incubadora na unidade de cuidados intensivos do hospital, enquanto Lindalva da Silva aguardava internada pelo segundo parto.

Vinte e quatro dias depois, no mesmo hospital, nasceu Ronaldo, gémeo de Alexandre, com 1,4 quilos de peso.

«Um gémeo nasceu no Inverno e o outro na Primavera», afirmou a mãe.

Os médicos afirmam que os bebés estão a evoluir bem e poderão deixar o hospital antes de 18 de junho, a data inicialmente prevista para o nascimento.

Este tipo de intervenção médica só pode acontecer quando os bebés não partilham a placenta e cada um tem uma bolsa de líquido amniótico.

Os partos prematuros com menos de 24 semanas de gestação são muito complicados e apresentam uma taxa de sobrevivência de 50%.