Cientistas polacos acreditam que a Câmara de Âmbar, cujo paradeiro é desconhecido, estará escondida num complexo em Mamerki, perto da cidade de Wegorzewo, na Polónia. De acordo com os investigadores, que já começaram as buscas, a câmara foi encontrada com o auxílio de um radar de penetração no solo e deverá ter cerca de dois a três metros de largura.

A Câmara de Âmbar, que está avaliada em 400 mil milhões de dólares (444 mil milhões de euros), é uma decoração de painéis em âmbar e espelhos folheados a ouro, pertencente ao Palácio de Catarina em Tsarskoye Selo, próximo de São Petersburgo.

Durante a guerra, alegadamente, os nazis roubaram o painel e, na confusão que seguiu ao conflito, o painel foi desmontado e o paradeiro permanece desconhecido até hoje.

O desaparecimento da peça é considerado um dos grandes mistérios da Segunda Guerra Mundial.

No entanto, com o esforço de artesãos russos, a Câmara de Âmbar foi novamente reconstruída e inaugurada em 2003 no Palácio de Catarina, na Rússia.