Os serviços de proteção de crianças de Nebraska retiraram quatro crianças aos pais depois de terem conhecimento de um vídeo onde se via uma criança a dizer palavrões, num discurso cheio de profanidades e insultos racistas.

O vídeo foi encontrado pela polícia de Nebraska no Facebook. No entanto, enquanto a polícia não encontrou nada de criminal no vídeo, a unidade de polícia de Omaha responsável pela Unidade da Criança Vítima e os serviços de proteção resgataram o menino e outras três crianças esta quarta-feira.

No vídeo, pode ver-se um menino ainda de fralda a responder a algumas provocações com um gesto obsceno e com frases como «cala-te, cabra». Os adultos riem-se e o menino repete as obscenidades.

A polícia de Omaha, Nebraska, divulgou o vídeo na sua página do Facebook e alertou a comunidade de que o vídeo era «mau».

«Vídeo de partir o coração. Gente, este vídeo local é mau. Muito, muito mau e vai irritá-lo. Contém palavrões e discussão sobre situações adultas e violência de gangues. E o pior... uma criança», pode ler-se no Facebook da polícia.