Petra Laszlo foi filmada, durante um direto, a pontapear refugiados que fugiam à polícia para tentar entrar na Hungria. As imagens foram partilhadas nas redes sociais, onde se gerou uma forte onda de indignação contra a jornalista.

A repórter de imagem do canal de televisão nacional da Hungria NT1 encontra-se a filmar em Roeszke - perto do campo de regugiados da fronteira - quando um grupo de refugiados teve de fugir da polícia húngara. Nesse momento, Laszlo é vista a fazer uma rasteira a um homem que corria com um menino nos braços, depois de conseguir escapar de um agente. 

O vídeo desse momento foi de imediato divulgado no Twitter, tal como um que mostra a mesma jornalista a dar pontapés em refugiados.
 
Em comunicado, a cadeia de televisão já fez saber que o contrato com a repórter de imagem foi de imediato cessado. 

“O trabalho da repórter de imagem terminou hoje com efeito imediato, o caso está fechado para nós", pode ler-se no comunicado.