A polícia do Paquistão deteve um homem que estava a instalar uma bomba num terminal de autocarros na cidade de Peshawar, um dia depois de os talibãs terem atacado uma universidade, causando 21 mortos.

“Apanhámos um homem que estava a instalar uma bomba na estação de autocarros de Peshawar”, disse à AFP o oficial de polícia Rokhan Zeb.

“Uma grande tragédia foi evitada graças à atuação da polícia. Se a bomba tivesse explodido, centenas de pessoas podiam ter morrido ou ficado feridas".


Uma unidade da polícia desmantelou a bomba, evitando o pior perto da movimentada estação. Na altura em que o engenho foi detetado estavam 2.000 pessoas no local.