Mais uma pista sobre os terroristas de Paris. O  jornal francês "Le Point" divulgou um vídeo de um dos dois quartos de hotel alegadamente alugados por  Salah Abdeslam - que ainda está em fuga -, na noite antes dos ataques.

As imagens mostram a cama desarrumada, uma caixa de pizza numa cómoda, e seringas sobre uma mesa. 



Exclusivité Le Point.fr - Attentats de Paris... por LePoint

A reserva terá sido feita, segundo diz o mesmo jornal, através da Internet, recorrendo a um portal de reserva de hotéis, em nome de Salah Abdeslam. O hotel em causa fica em Alfortville, na cidade de Val-de-Marne.

Os quartos terão sido alugados dois dias antes do massacre.  

A Polícia Judiciária terá identificado vestígios de ADN dos ocupantes e terá apreendido um disco rígido do computador da receção do hotel. As análises deverão determinar se as seringas terão sido utilizadas, por exemplo, para fazer cintos explosivos.

Há um mandado internacional de detenção contra este homem, belga, de 26 anos, suspeito de ter disparado com Kalashnikovs sobre as vítimas que estavam na esplanada de um café, em Paris. É também, alegadamente, o responsável pela logística dos atentados que mataram 129 pessoas na passada sexta-feira. 

Ontem, foi levada a cabo uma operação antiterrorista num bairro belga, em Molenbeek, precisamente para encontrar Salah, sem sucesso. 

O suspeito de ser o  mentor destes atentados, que também está em fuga, é igualmente belga.