A TVI24 exibiu esta quinta-feira, em exclusivo, a reportagem «Charlie Hebdo está vivo», no programa Política Mesmo.
 
A reportagem acompanha os momentos que antecederam a preparação do primeiro número do jornal satírico após tragédia. No retrato dos primeiros dias após a tragédia, constam os depoimentos de alguns dos sobreviventes.
 

«No dia da tragédia achei que o «Charlie» estava morto (…) mas não, não mataram o Charlie Hebdo», disse Antonio Fischetti, jornalista do Charlie Hebdo há quase 20 anos, dois dias depois do massacre.