O exército paquistanês anunciou a detenção de um suspeito do ataque à escola de Peshawar, em dezembro, no qual morreram pelo menos 150 pessoas, sendo 133 crianças.

Segundo a BBC, Taj Muhammad foi um dos responsáveis pelo ataque dos talibãs e foi capturado agora num campo de refugiados.

A CNN acrescenta que o suspeito, também conhecido como Rizwan, terá confessado outros ataques.
 
No dia 16 de dezembro e durante cerca de oito horas, 27 homens entraram na escola e dispararam sobre alunos e professores.

Nove talibãs morreram durante o ataque e outros têm sido detidos pelo exército do Paquistão. Os suspeitos deverão ir a tribunal militar e poderão ser condenados à morte por terrorismo.