A polícia de Israel informou que homens com menos de 50 anos vão ser impedidos de entrar na Esplanada das Mesquitas, um complexo sagrado em Jerusalém que tem estado no centro de recentes tensões na região.

O porta-voz Micky Rosenfeld explicou que a medida surge após avaliações de segurança revelarem que os palestinianos planeiam protestos no local para esta sexta-feira. O complexo é sagrado tanto para muçulmanos como para judeus.

Segundo Rosenfeld, alguns palestinianos barricaram-se dentro da Mesquita Al-Aqsad durante a noite, para se poderem juntar ao protesto mais tarde.

A polícia retirou-os do local depois de se recusarem a sair voluntariamente, explicou.

A instalação de detetores de metais, de mais câmaras de vigilância e a proibição aos palestinianos com menos de 50 anos de acederem à Esplanada das Mesquitas provocou violentos protestos e vários mortos durante a semana.