O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu, esta sexta-feira, aos líderes do G20 para darem um impulso definitivo à busca de uma solução política para a crise da Síria e alertou que a situação humanitária nesse país é catastrófica.

Numa reunião dedicada à crise humanitária na Síria, no arranque do último dia da cimeira anual de líderes do G20, Ban Ki-moon insistiu que «há que explorar vias para evitar uma maior militarização do conflito e promover, antes, a busca de uma solução política».

O secretário-geral da ONU garantiu estar determinar a «renovar os esforços para convocar rapidamente a conferência de Genebra sobre a Síria».