O número de casos de cólera já ultrapassou o meio milhão no Iémen, país onde a epidemia causou perto de 2.000 mortos desde o final de abril, anunciou hoje a Organização Mundial de Saúde (OMS).

Neste país devastado pela guerra foram registados 503.484 casos suspeitos e 1.975 mortes devido à cólera, precisou a agência da ONU.

Mais de um quarto dos mortos e mais de 41 dos doentes são crianças, indicou o Gabinete de Coordenação dos Assuntos Humanitárias (OCHA) das Nações Unidas num comunicado.

No início de Agosto, a organização Save The Children, lançou um alerta devido à epidemia: mais de um milhão de crianças estão em risco de contrair cólera.

A organização enviou mesmo especialistas da área da saúde para as zonas mais afetadas.