O Presidente da Guiné-Conacri, Alpha Condé, decretou esta quarta-feira o estado "emergência de saúde" no país devido à epidemia do vírus Ébola, durante uma declaração feita na televisão pública guineense.

«A Organização Mundial de Saúde decretou o estado de emergência pública de saúde de alcance internaiocnal contra a doença provocada pelo vírus Ébola. Considerando que a Guiné é signatária da constituição da OMS, eu declaro uma emergência de saúde nacional contra a doença do vírus Ébola na República da Guiné», declarou o Presidente durante a intervenção.

De acordo com a agência noticiosa AFP, o chefe de Estado anunciou ainda um novo conjunto de medidas para vigorar a partir desta quarta-feira.