Um desenho de um mapa mundo feito por um rapaz de 11 anos com autismo está a tornar-se viral nas redes sociais, pelo incrível detalhe que a criança foi capaz de representar apenas de memória.

Segundo o «Daily Mail», aconteceu numa escola em Nova Iorque, quando o rapaz entrou numa das salas de aula e desenhou o mapa, sem recurso a qualquer «cábula».

              

O jovem conseguiu desenhar corretamente continentes, países, fronteiras e até ilhas.

A fotografia foi colocada na rede social Reddit pelo utilizador Bobitis com a descrição: «Um rapaz de 11 anos com autismo entrou na sala da minha filha e desenhou isto de memória».

Uma memória fora do vulgar é uma característica associada a algumas pessoas com autismo, ainda que a ciência não consiga entender o porquê disso acontecer. Algumas investigações suspeitam que possa estar relacionado com o tamanho de duas regiões do cérebro: a amígdala e o hipocampo.