Ralph Duquette deu à filha o melhor presente de casamento que ela podia desejar. Paraplégico há quase três anos, o homem de 64 fez questão de se levantar da cadeira de rodas e levar a filha ao altar no dia do seu casamento.
 
Ralph foi diagnosticado com leucemia há três anos, no dia em que celebrou 61 anos. Conseguiu derrotar o cancro, mas as sessões de quimioterapia provocaram-lhe uma neuropatia que o deixou paraplégico. Como se não0 bastasse, quando o cancro entrou em remissão tento, ainda no hospital, dar os primeiros passos, mas caiu. A queda provocou-lhe uma lesão que o deixou cego de um olho.
 
Apesar do medo de cair, no último sábado, Ralph superou-se e deu à filha o presente que ela nunca pediu, mas sempre desejou. Quando viu a filha iniciar o caminho em direção ao altar, Ralph largou a cadeira de rodas e, titubeante e ajudado por um familiar, dirigiu-se a ela.


 

De lágrimas nos olhos, a filha perguntou-lhe: “vais mesmo fazer isto?”. O pai respondeu-lhe apenas: “Estou aqui, não estou?”. E iniciaram o caminho em direção ao altar montado no jardim de casa.
 
Ralph celebrou também a cerimónia de casamento. E assim fez. E a surpresa foi ainda maior quando, na altura do baile, durante a boda, instigado pelo irmão Robert, Ralph repetiu a façanha e dançou com a filha.
 

Heather dances with her dad part 2

Posted by Robert Duquette on  Quarta-feira, 14 de Outubro de 2015
 
O homem manteve em segredo absoluto o que estava a preparar. Nem a mulher sabia, mas desde fevereiro que estava a levar a cabo um intensivo processo de fisioterapia, para poder voltar a andar e surpreender a filha.