Pelo menos três pessoas morreram e cerca de 20 ficaram feridas num ataque suicida alegadamente perpetrado por uma mulher perto de uma mesquita do nordeste da Nigéria, informou a imprensa local.

O ataque ocorreu durante a oração muçulmana na noite de terça-feira, quando uma mulher se imolou pelo fogo muito perto de uma mesquita da localidade de Kasuwan Mata, no estado de Gombe, segundo a agência de notícias nigeriana NAN.

Um residente daquela localidade disse ao diário «Premium Times» que a explosão ocorreu a uns cem metros de um local utilizado pelos militares da zona, pelo que estes poderão ter sido o alvo do ataque.

Embora as atividades do Boko Haram sejam mais intensas nos estados do norte – Borno, Adamawa e Yobe –, o estado de Gombe também tem sido alvo de vários atentados nos últimos meses.

Os ataques do Boko Haram, que luta para instaurar um estado islâmico na Nigéria, já provocaram cerca de um milhão e meio de deslocados nigerianos e a morte de 3.000 pessoas no último ano, segundo dados do Governo.