Pelo menos cinco pessoas morreram em acidentes rodoviários ligados à violenta tempestade de neve que atingiu esta segunda-feira grande parte da Costa Leste dos Estados Unidos e obrigou a cancelar centenas de voos e a encerrar escolas, noticia a Lusa.

A tempestade de neve batida por ventos de 50 Km/h contribuiu para as cinco mortes - entre as quais uma mulher grávida - nas estradas da região de Boston, segundo o sítio de informações thebostonchannel.com. Muitas áreas deverão ter 20 a 30 centímetros de neve acumulada.

Mais de 30 centímetros de neve caíram no Massachusetts, Rhode Island ou no Connecticut (Nordeste), segundo os serviços meteorológicos, e a tempestade dirigia-se para o Canadá depois de ter varrido todo o Leste dos Estados Unidos, do Sul ao Norte, durante o fim-de-semana.

Em Nova Iorque, a neve que cobria a cidade ultrapassava os 20 centímetros em Central Park ou em Long Island. A meio do dia, a neve transformou-se numa chuva gelada, transformando as ruas em charcos lamacentos

Além da neve, fortes rajadas de vento varriam as regiões do Nordeste. Nenhum aeroporto fechou mas foram registados atrasos um pouco por todo o lado e centenas de voos tiveram de ser anulados a meio de dia.

Christopher Vaccaro, responsável dos serviços meteorológicos nacionais declarou que a tempestade tomou o caminho «ideal» para causar perturbações importantes nesta parte densamente populosa dos Estados Unidos.

«Foi o corredor urbano o mais atingido», salientou. «Mesmo depois da passagem da tempestade vai fazer muito frio e os ventos vão continuar a soprar a cerca de 48km/h», acrescentou.

As temperaturas no sul deverão subir mais rapidamente e Atlanta deverá chegar aos 15 graus centígrados já na quarta-feira.

Washington estava coberta com um espesso manto branco mas as escolas abriram «duas horas depois». Em Nova Iorque e Boston, as escolas estavam fechadas e as rádios aconselhavam as pessoas a utilizar os transportes públicos.

Em Washington, cerca de 23.000 lares e empresas ficaram sem electricidade, segundo a rádio local WTOP.

Em Nova Iorque, a Câmara deslocou centenas de limpa-neves, toneladas de sal foram despejadas nas ruas e os comerciantes equipados de pás varriam os acessos ás lojas e cafés.

Segundo as previsões dos serviços meteorológicos, a neve deverá deixar de cair esta terça-feira e o Sol reaparecer, mas as temperaturas vão ficar abaixo das médias para a época até meados da semana.