O sul do Japão está sob alerta, preparando-se para a chegada, prevista para terça-feira, de um «super tufão», que poderá ser um dos mais intensos das últimas décadas, advertiu nesta segunda-feira a Agência de Meteorologia do Japão (JMA).

O «Neoguri» deverá alcançar, esta terça-feira, a ilha de Miyako, na região de Okinawa, no extremo sul do Japão, podendo causar rajadas de até 270 quilómetros por hora e ondas de até 14 metros de altura, informou o organismo no seu portal na Internet.

Para já, a JMA não decretou o nível máximo de emergência, embora esteja a analisar a possibilidade de o fazer nas próximas horas, dependendo da evolução do tufão, disse um porta-voz da entidade.