Nelson Mandela continua internado em estado crítico, mas estável, adiantou, este sábado, o governo da África do Sul. O antigo presidente debate-se com uma infeção pulmonar desde junho.

«Apesar de por vezes a sua condição ficar instável. Os médicos indicam que o antigo presidente tem demonstrado uma grande resistência e a sua condição tende a estabilizar, tendo em conta os resultados das intervenções médicas», disse a presidência.