"Um cidadão marroquino, procurado internacionalmente, foi detido ontem (terça-feira) à noite, numa zona da região de Milão (norte), suspeito pelas autoridades tunisinas de ter participado no atentado no Bardo", indicou um porta-voz da polícia local.

A detenção foi efetuada por agentes da DIGOS, um departamento policial encarregado de operações especiais e terrorismo, com base num mandado de captura internacional.