Um motorista húngaro filmou o desvio que fez ao seu veículo, alegadamente de propósito, para assustar um grupo de refugiados em Calais, no norte de França. 

Foi o próprio que partilhou o vídeo no YouTube, onde se veem pessoas no meio da autoestrada e dezenas na berma. Foi a essas que se dirigiu, virando o volante para a direita, em andamento. 



O vídeo tem 14 minutos e meio e gerou indignação nas redes sociais. Ouvem-se várias palavras de ordem do motorista, que descreve Calais como uma "zona de guerra", onde "as regras parecem não existir". 

A certa altura, vê-se o camião a abrandar e, durante esse curto período,  os refugiados correm em direção ao veículo. Mais gritos do motorista. 

No final do vídeo, e virando a câmara para si mesmo, ele diz, sorrindo:  "Então, uma viagem e tanto, hein, estes últimos seis quilómetros? Os migrantes têm conseguido desviar-me tanto [da rota] que eu não consegui entrar na zona de estacionamento"

"Podem imaginar o que é estar aqui à noite, depois de o sol se pôr?", questiona ainda.

À indignação que o seu vídeo criou, respondeu que foi feito originalmente para os seus amigos e que não reflete o tipo de pessoa que ele é. Adianta ainda que vendeu as imagens a órgãos de comunicação. 

Recorde-se que a Hungria é um país assumidamente contra o acolhimento de refugiados, tendo inclusive decidido encerrar fronteiras