Pelo menos sete pessoas morreram e 17 ficaram feridas, na sequência de um motim numa das prisões com segurança mais apertada da Carolina do Sul, nos Estados Unidos. 

Os incidentes começaram pelas 19:15 locais (mais cinco horas em Lisboa), na Lee County Correctional Institution, uma das cadeias de segurança mais apertada dos Estados Unidos. De acordo com o sistema prisional do Estado da Carolina do Sul, o incidente durou cerca de sete horas e fez pelo menos sete mortos entre os detidos. Pelo menos 17 necessitaram de tratamento hospitalar.

De acordo com fontes oficiais citadas pela Fox News, os incidentes atingiram várias unidades do complexo prisional.

Não há vítimas entre o corpo de guardas prisionais ou entre as equipas de socorro que acorreram ao local. Ao motim acorreram equipas do serviço de emergência de vários condados do estado.

 Não é a primeira vez que há incidentes nesta prisão de alta segurança, situada em Bishopville, a cerca de 90 quilómetros de Columbia, a capital do Estado. Em março do ano passado, reclusos tomaram um guarda como refém, depois de terem tomado o controlo de um dos dormitórios. O incidente acabou por ser sanado rapidamente. Em fevereiro, um recluso foi morto por outro, durante uma rixa.