Rebeldes sunitas demoliram vários santuários e mesquitas em Mossul (norte), a segunda maior cidade do Iraque, ocupada pelas forças insurgentes desde o início de junho, segundo testemunhas locais e imagens divulgadas nas redes sociais.

Pelo menos quatro santuários sunitas e sufistas e seis mesquitas xiitas foram destruídos em várias zonas da província iraquiana de Ninive, cuja capital é Mossul.

Fotografias publicadas na Internet pelo grupo radical Estado Islâmico (EI), anteriormente designado como Estado Islâmico do Iraque e do Levante (EIIL) e que lidera os insurgentes, mostram buldózeres a demolir santuários sunitas e sufistas. As mesquitas xiitas foram destruídas com recurso a explosivos.