O naufrágio desta sexta-feira no Canal de Sicília fez cerca de 50 mortos, dos quais 10 são crianças. No entanto, apenas 34 corpos foram recuperados do mar pelas autoridades, avança a agência italiana «Ansa».

Na embarcação proveniente do norte de África que naufragou viajavam cerca de 250 imigrantes ilegais sendo que 150 pessoas foram recolhidas por um navio maltês, e outras 50 por um navio da marinha de guerra italiana.

O acidente acontece apenas uma semana depois de 339 pessoas terem morrido quando um barco com imigrantes da Eritreia e Somália naufragou em Lampedusa.