O escritor norte-americano Elmore Leonard, autor de vários policiais, conhecidos pela adaptação para cinema, morreu hoje, aos 87 anos, em Detroit, Estados Unidos.

A notícia foi dada na página oficial do escritor, que estaria a recuperar de um ataque súbito que sofreu no início do mês, numa altura em que preparava «intensamente» um novo romance policial.

Nascido a 11 de outubro de 1925, em Nova Orleães, Elmore Leonard começou por escrever «westerns», mas mais tarde focou-se sobretudo no género policial, publicando mais de 40 títulos, muitos deles adaptados para cinema.

Entre as histórias mais conhecidas que chegaram ao grande ecrã contam-se "Um homem", de Martin Ritt, protagonizado por Paul Newman em 1957, «Jackie Brown», de Quentin Tarantino, «O comboio das 3 e 10», de James Mangold, «Romance perigoso», de Steven Soderbergh, e «Jogos quase perigosos» («Get shorty», no original), de Barry Sonnenfeld.

Com obra também adaptada para televisão, Elmore Leonard foi distinguido em novembro de 2012 pela National Book Foundation, pelo contributo para a literatura norte-americana, por conta de um «trabalho literário cheio de vida e com um estilo inimitável».

Em Portugal estão publicados vários títulos do autor, nomeadamente «Justiça de crocodilo», «Crianças pagãs», «Cuba libre» e «Unha com carne».