Pelo menos 12 pessoas morreram este domingo num atentado perpetrado pelos rebeldes ‘shebab’ contra um hotel na capital da Somália, declarou a polícia.

“Temos a informação de que causou 12 mortos”, disse Abdulrahid Dahir, da polícia, indicando que “os atacantes fizeram explodir um carro armadilhado para abrir passagem e poder entrar no hotel” Sahafi que, ao contrário de outras unidades internacionais de Mogadíscio, tem um forte dispositivo de segurança.

Informações anteriores, divulgadas pelo canal de televisão Al-Jazeera – com base em testemunhas – e pela agência AFP, davam conta da ocorrência de duas explosões e de um tiroteio.