Um juiz do Tribunal Judicial da Cidade de Maputo que investigava a recente onda de raptos na capital moçambicana foi esta quinta-feira morto a tiro no centro da cidade, informou a polícia.

Em declarações à Lusa, o porta-voz da polícia moçambicana em Maputo, Arnaldo Chefo, afirmou que o magistrado, Dinis Silica, morreu quando a sua viatura foi crivada de balas disparadas por três homens que seguiam num outro veículo, e se puseram em fuga.

O ataque ocorreu por volta das 08:30 (07:30 em Lisboa) na esquina das movimentadas avenidas Karl Marx e Marien Ngouabi, em Maputo.