O ministro do Trabalho mexicano, Alfonso Navarrete Prida, foi assaltado por um homem quando entrava num luxuoso centro comercial no bairro exclusivo de Polanco na Cidade do México, informou na segunda-feira o Procurador da cidade.

«Foi o roubo de um relógio», disse o Procurador da Cidade do México, Rodolfo Ríos Garza, em conferência de imprensa, indicando que as autoridades estão a investigar o assalto.

O assalto ocorreu no domingo, quando o ministro se deslocou ao centro comercial sem escolta, e foi confirmado pelo próprio no Twitter, na segunda-feira.

De acordo com a imprensa local, o relógio roubado estava avaliado em 300 mil pesos (16.700 euros).