As autoridades mexicanas anunciaram, esta quinta-feira, ter detido um homem de 20 anos suspeito de ter estado envolvido em pelo menos 79 homicídios, numa cidade atingida pela violência associada aos cartéis de droga.

Juan Pablo Vazquez foi detido enquanto vendia droga a uma mulher de 25 anos em Monterrey, capital do estado de Nuevo León, no norte do país.

O jovem confessou ter participado diretamente em 45 homicídios e a estar ligado a pelo menos outros 34, indicou Jorge Domene, um porta-voz das forças de segurança, citado pela agência AFP.