Pelo menos cinco jovens morreram e um sexto elemento ficou ferido depois da explosão de uma granada de fragmentação no centro de correção de menores El Carmen, em San Pedro Sula, no norte das Honduras, revelou hoje uma fonte do Ministério Público do país.

Seis homens armados chegaram ao centro e desarmaram os guardas responsáveis pela segurança do espaço e lançaram a granada cuja explosão provocou os cinco mortos e um ferido, disse aos jornalistas do porta-voz do Ministério Público, Elvis Guzmán.

A ação estará associada ao grupo «Mara Salvatrucha», acusaram elementos do grupo «m-18» que estão retidos no centro de correção, noticia a Lusa.