Aos cinco anos, Aidan Reed enfrenta uma prova de vida e dá uma lição de vida.

O menino de cinco anos do Kansas, nos Estados Unidos, a quem foi diagnosticada uma leucemia em Setembro, vende os desenhos dos seus heróis favoritos para pagar as contas do hospital, conta o «Daily Mail».

Aidan tem passado os últimos meses internado e os pais já não tinham dinheiro para custear as contas do hospital. Chegaram ao ponto de hipotecar a casa. Valia tudo para salvar o filho.

Podia valer tudo, mas esse tudo não chegou. Eis que surgiu a ideia de angariar fundos com a venda dos desenhos de Aidan . Monstros, cavaleiros, super-heróis. Há de tudo e já são milhares. Muitos deles feitos numa cama de hospital.

Contas feitas, já foram vendidos mais de três mil desenhos, alguns atingiram uma cotação de 30 mil dólares, qualquer coisa como 20 mil euros. Este dinheiro permite à família respirar de alívio. A casa já não está no prego e o pagamento dos tratamentos assegurado. Daqui em diante só se aguardam boas notícias, uma vez que o tipo de leucemia de que Aidan sofre tem cura em 90 por cento dos casos.

E, afinal, qual é o super-herói favorito de Aidan? «O Green Goblin», responde o super-menino.